Amo - Te verso

Meu encantador de sonhos
O poeta em minha canção
Chegastes como poesia
Só versando meu coração.


Meu poema te deseja
Como água com sede de boca
Navegando em teus versos
Desnudando minha voz rouca.


Minha flor ainda vive
E teu vulcão me aquece
As palavras me esperam
E a tristeza me esquece.


Prendo-me nesse querer
Que a razão sufoca
Matando crenças e dúvidas
Só a paixão desemboca.


Meu cantar te cobre em poesia
Enlaço teu sonho ao meu
Cobrindo de beijos o teu sono
Pois o meu acordar já é teu.


Tu sabes que verso você
Com alma, corpo e vontades
És poeta sentes...Vê
Que te amo em saudades.
®IatamyraRocha


Olhares-Prisma



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mulheres poetas

Poemas: Fênix e Versos metafisicos

Lumes