Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2011

Imensidão

Imagem
O tempo não canta mais
Não sopra o vento nos cabelos
O passado não se refaz
Secam como rosas sem zelo.

Tuas mãos agora desconhecidas
Caem em afagos sob meu vestido
Um último minuto de calor
Simulacro no âmago da dor.

O tempo não canta mais
Agora para no teu olhar
Olhos vastos enluarados
Como a imensidão do mar.

O amor é fenda no tempo
Oração de um corpo para outro corpo
Onde a alma voa com o vento
E só nos teus braços encontra porto.
®IatamyraRocha