Flor de fogo

Queimo as flores...
Do meu jardim...
Por você cultivado...
Tantas vezes amado...
Flores sem significado...
Flores são só flores...
Amores são amores...
Plural,
Isso me deixa mal...
Seu egoísmo é mortal...
Tenho amores,
Reprimidos...
Quero ve-los,
Vividos...
Amadurecidos...
Repartidos...
Com muito amor...
E pouca flor...
Só as que restou...
As que você não amou.
Tantas...
Flores queimadas...
Tantas vezes,
Cheiradas...
Contempladas...
Mas...
Uma flor ficou...
Em um jardim,
Deserto...
Com um futuro incerto...
Se nasceram outras...
Ou não...
Cultivadas na,
Desilusão.
®IatamyraRocha

Comentários

Reeh disse…
Vlw Pela visita!! =D
to te seguindo tb!!
quando pudar volta lah!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Mulheres poetas

Poemas: Fênix e Versos metafisicos

A República