Coração Selvagem


Indomável coração
Quente...frio...
Como um rio sem direção
Coração sem chão...
Sem porto...
Sem conforto...
Revolto como o mar
Invisível como o ar
Sem dono...
No abandono...
Livre em desejos
Prisioneiro do pecado
Efêmero...descompassado
Em contraponto...
Suspira em códigos
Indecifráveis...
Ama o improvável
Escolhe ao acaso
Depois pousa em outro ramo...
Encontra-se com outra flôr...
E se enche de amor.
®IatamyraRocha

Comentários

Suspira em códigos
Indecifráveis...


vc é ótima
lindooo
Paulo Nayron disse…
Novo seguidor. Muito boa sua criação.
Paulo Nayron disse…
Suspira em códigos
Indecifráveis...#2
muito bom isso, adorei sua criação.

novo seguidor.
Naty Araújo disse…
Que lindo, Iatamyra...
Vc tem uma sensibilidade pra escrever, incrível.
Adorei.

Beijos

Postagens mais visitadas deste blog

Mulheres poetas

Poemas: Fênix e Versos metafisicos

A República