Texturas







Adentro
de mim não sufoco
o grito
contorno o côncavo
no meu rito.

Arremato
texturas
no fiar do verso
massa móvel
e denso
ereto.

Porosa
a pétala absorve
o tom do espinho
e sangra o gozo
meu linho.

Divago
toda nervura
que me sucumbe
ao elo
que funde.
- Iatamyra Rocha

"Não se nasce mulher: torna-se."
- Simone de Beauvoir











Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mulheres poetas

Poemas: Fênix e Versos metafisicos

Lumes