"Manoel de Barros" o menino passarinho





Há hoje na língua
uma saudade que voa
lagoa do mar
cantos de florEstá
sons de ninar
um passarinho
que desenhou palavras
cultivou o ninho
acarinhou o ar
Manoel de Barros
nome poético
sopro divino
eterno menino
poética amar.
- Iatamyra Rocha 








Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mulheres poetas

Poemas: Fênix e Versos metafisicos

A República