Aquele beijo


Tento sentir
Fecho os olhos
Faço-me de concha
Mas não ouço música
E o vento
Não me faz de mar
Quero pisar nuvens
Mas meus pés
Estão presos ao chão
E não me fazem sonhar
O desejo está vazio
O vinho está amargo
Sou uva que secou
Ferida sem bálsamo
Quero dizer minha flor
Mas, a primavera anda longe
Amando um verão
Que não é meu
Tento me envolver
Amando um coração
Que não é teu
Quero sentir estrelas no peito
Mas, só sinto o silêncio
E o sabor do frio
Congelando nosso beijo.
Iatamyra Rocha


Comentários

Hey que logo o desejo se encharque de amor...

Beijos, querida e bom retorno de Carnaval.

Carmen.
Aquele Beijo


São conhecidos
os lábios
de quem beija,
assim como
os olhos
de quem
é apaixonado...


Poeta Francis Perot
Um beijo, carinho, desejo de boa semana e saudade.

Carmen.
Intensa mente


As vezes preciso viver
a minha intensa mente
imaginativa,
criativa
e louca
para dar
á vida
novos sentidos,
para jamais ter
uma tensa mente...


Poeta Francis Perot
Iatamyra Rocha disse…
Olá Carmen! Saudades imensas de ti também, só agora pude responder a esse teu carinho em poesia,brisa suave que afaga essa amizade virtual que enche meu coração de versos, obrigada por sua presença aqui, nos outros espaços poéticos e no meu cotidiano distante, enchendo meu dia de poesia! Bjs e abçs reais e verdadeiros.
Iatamyra Rocha
Iatamyra Rocha disse…
Seja muito bem vindo ao Efêmero, poeta Francis! Obrigada pelos belos versos comentários1 Bjs poéticos
Iatamyra Rocha

Postagens mais visitadas deste blog

Mulheres poetas

Poemas: Fênix e Versos metafisicos